Carta topográfica, planta, croqui e mapa: o que são?

Publicado por Adenilson Giovanini em

Mapa, carta topográfica, croqui, planta. Quando se fala em Geotecnologias os termos são tantos, que muitas vezes acabamos ficando em dúvida quanto a diferença entre os mesmo e para que eles servem.

Por causa disso, decidi escrever este artigo. No mesmo irei explicar exatamente que é:

  • Uma carta topográfica;
  • Uma planta;
  • Um croqui;
  • Um mapa;
  • Quais as escalas que os mesmos devem ter;
  • Para que o servem e;
  • O que a legislação diz a respeito.

Como bônus também mostrarei quais elementos que uma planta precisa ter e quais são as diferentes plantas produzidas em um escritório de topografia cadastral.

Logo, leia atentamente a este artigo porque com a leitura do mesmo você dominará o assunto do início ao fim.

 

O que é uma planta topográfica

carta topográfica - Planta obtida com o levantamento dos dados

A planta topográfica é uma das peças técnicas que devem serem apresentadas ao registro de imóveis juntamente com o memorial descritivo e uma ART.

A NBR 13.133 trás a seguinte definição:

Representação gráfica de uma parte limitada da superfície terrestre, sobre um plano horizontal local, em escalas maiores que 1:10000, para fins específicos, na qual não se considera a curvatura da Terra.

Perceba que de acordo com a NBR 13133 uma planta é uma representação gráfica de uma parte limitada da superfície. Ou seja, possui uma escala grande, servindo desta maneira para a representação das características de uma área.

Na topografia cadastral a planta é utilizada para:

Porém, a planta topográfica também serve para para a representação de diferentes elementos cadastrais, podendo representar graficamente todas as características de uma área, incluindo:

  • O relevo;
  • Curvas de níveis;
  • Perfis longitudinais;
  • Seções transversais;
  • Pontos cotados;
  • Acidentes geográficos;
  • etc.

Ou seja, uma planta deve obrigatoriamente possuir uma escala grande. Isso porque a mesma deve representar determinada porção da superfície terrestre de maneira detalhada.

 

O que é uma carta topográfica

carta topográfica

A NBR 13.133 trás a seguinte definição para mapa, sendo que entre parênteses coloca o termo (carta).

Representação gráfica sobre uma superfície plana, dos detalhes físicos, naturais e artificiais, de parte ou de toda a superfície terrestre – mediante símbolos ou convenções e meios de orientação indicados, que permitem a avaliação das distâncias, a orientação das direções e a localização geográfica de pontos, áreas e detalhes -, podendo ser subdividida em folhas, de forma sistemática, obedecido um plano nacional ou internacional.

 

A NBR 13.133 ainda complementa que:

Esta representação em escalas médias e pequenas leva em consideração a curvatura da Terra, dentro da mais rigorosa localização possível relacionada a um sistema de referência de coordenadas. A carta também pode constituir-se numa representação sucinta de detalhes terrestres, destacando, omitindo ou generalizando certos detalhes para satisfazer requisitos específicos. A classe de informações, que uma carta, ou mapa, se propõe a fornecer, é indicada, freqüentemente, sob a forma adjetiva, para diferenciação de outros tipos, como, por exemplo, carta aeronáutica, carta náutica, mapa de comunicação, mapa geológico.

 

Ou seja, carta topográfica e mapa são exatamente a mesma coisa. Tanto que a NBR 13.133 ainda trás a seguinte nota:

Nota: Os ingleses e americanos dão preferência ao termo mapa, enquanto os franceses e demais países de origem latina ao termo carta.

 

Qual a diferença entre planta topográfica e carta topográfica

planta cadastral detalhada

Perceba que diferentemente de plantas, cartas topográficas também conhecidas como mapas, possuem escalas pequenas. Ou seja, servem para representar grandes frações da superfície terrestre.

Por exemplo:

  • Municípios;
  • Regiões;
  • estados e;
  • países.

Além disso, conforme a própria NBR 13.133 informa, plantas topográficas se baseiam em “um plano horizontal local“. Ou seja, no plano topográfico local.

Uma carta topográfica, por outro lado, deve estar “dentro da mais rigorosa localização possível relacionada a um sistema de referência de coordenadas“.

Ou seja, cartas topográficas normalmente se baseiam na utilização de dados obtidos em coordenadas geográficas, referenciadas em um datum, o qual foi projetado para o plano.

A NBR 13.133 também informa que cartas topográficas podem ser “subdividida em folhas, de forma sistemática, obedecido um plano nacional ou internacional.

Um exemplo disso é o mapeamento sistemático nacional realizado pelo exército. O mesmo Apoia-se nas folhas da Carta Internacional ao Milionésimo (CIM), que nada mais são do que uma série de cartas topográficas que compreendem escalas entre 1:25.000 e 1:250.000.

Na realidade, embora a NBR 13.133 traga a mesma definição para cartas topográficas e mapas, o termo carta topográfica normalmente é utilizado somente para a designar as cartas desta série de mapeamentos realizados pelo exército e que constituem a folhas a Carta Internacional ao Milionésimo.

Agora que você sabe exatamente o que é e para que serve uma carta topográfica, vamos entender o que é um croqui.

 

O que é um croqui

A NBR 13.133 trás a seguinte definição para croqui:

Esboço gráfico sem escala, em breves traços, que facilite a identificação de detalhes.

Ou seja, um croqui é um desenho rápido cujo objetivo é ajudar os profissionais da área a identificarem detalhes importantes.

Desta maneira, croquis normalmente são produzidos a campo durante o levantamento topográfico, de certa maneira que o profissional anota no mesmo toda e qualquer informação que possa ser importante.

Por exemplo:

  • A numeração dos vértices;
  • Os nomes dos confrontantes;
  • Onde começa e termina a confrontação.

Enfim, qualquer informação que posteriormente possa ser útil.

 

Quais elementos que uma planta topográfica precisa ter?

elementos que uma planta precisa ter
Um erro cometido por muitos profissionais é que os mesmos produzem trabalhos técnicos de péssima qualidade. Por exemplo, algum tempo atrás mesmo chegou até mim uma planta que me deixou de cabelo em pé.

Isso porque eu simplesmente não acreditava que a mesma havia sido entregue a um profissional de registro de imóveis por alguém que se dizia “ser profissional“.

A mesma sob o aspecto visual era um verdadeiro soco no estomago.

Na realidade, nem se quer chamada de planta podia ser. Isso porque existem 5 elementos que são obrigatórios. Ou seja, se uma planta ou mapa não tiver estes elementos, será um simples croqui.

Os elementos que toda planta ou mapa deve ter são:

  • Título;
  • Legenda;
  • Escala;
  • Orientação e;
  • Projeção cartográfica.

 

Logo, sempre que for produzir uma planta topográfica, cuide para que a mesma tenha estes elementos.

 

Aprenda a Produzir Plantas Topográficas

topografia no autocad

Se você quer (ou precisa) aprender a produzir as diferentes plantas produzidas em um escritório de topografia, o Curso de Confecção de Plantas Topográficas servirá como uma luva para você.

Aprenda a produzir plantas que vão deixar seus clientes de queixo-caído e vá diretamente para a prática, prestando serviços e ganhando dinheiro.

plantas topografia

seta

plantas para topografia

setas azuis

 

Plantas que você vai aprender a produzir

No curso você vai aprender a produzir as 15 diferentes plantas produzidas em um escritório de topografia.

 

 

Plantas topográficas

 

 

1 – Plantas Para Processos de Georreferenciamento de Imóveis Rurais

planta para georreferenciamento

 

2 – Planta de Área

carta topográfica - planta de área

 

3 – Planta de Lote Urbano

planta de lote

 

4 – Planta Para a Retificação de Área

carta topográfica - planta para a retificação de área

 

5 – Plantas Para Projetos de Divisão de Área

planta para divisão de área

 

carta topográfica - divisão de área

 

6 – Planta Para a Divisão de Área Pela Área Útil

divisão de área pela área útil

 

7 – Planta Planialtimétrica

planta planialtimétrica

 

8 – Planta Planialtimétrica Cadastral

carta topográfica - planta planialtimétrica cadastral

 

9 – Plantas Para Processo de Sucessão

planta para processo de sucessão

 

10 – Planta a Partir de Dados Obtidos Com Estação Total

planta a partir de dados obtidos com estação total

 

11 – Planta de Situação Para Projetos de Loteamento

carta topográfica - planta de situação

 

setas

curso autocad topografia

setas triplas

 

 

Plantas e Croquis Para Projetos de Licenciamento Ambiental

 

12 – Croqui de Acesso

croqui de acesso


13 – Planta Baixa da Área a Ser Licenciada

carta topográfica - planta baixa

 

 

Plantas e Croquis Para Projetos de Crédito Rural

14 – Croqui de Acesso e Localização Para Projetos de Crédito Rural

croqui de acesso e localização
15 – Planta Das Áreas Alvo do Projeto de Crédito Rural

planta para crédito rural

 

setas azuis

carta topográfica - planta topográfica

setas triplas

 

 

Bônus que você ganhará juntamente com o curso

Juntamente com o curso, você ganhará 7 bônus. São eles:

  • Bônus 1 – Apostila AutoCAD Para Topografia Cadastral;
  • Bônus 2 – E-book Planta Topográfica;
  • Bônus 3 – Interpetração de Matrícula;
  • Bônus 4 – Layouts Formatos A0 o A4;
  • Bônus 5 – Box com Hachuras, Rotinas Lisps, Blocos e Setas do AutoCAD;
  • Bônus 6 – Curso de DataGeosis e;
  • Bônus 7 – Curso de Topografia no Civil 3D.

plantas de topografia

 

seta

 

carta topográfica - planta para topografia

 

setas triplas

 

Escolha uma das 2 alternativas abaixo:

 

Ou:

 

 

 

 

 


Adenilson Giovanini

O Professor Adenilson Giovanini é especialista em Topografia Cadastral e Georreferenciamento de Imóveis Rurais. Possui mais de 960 artigos em seu blog e mais de 520 vídeos em seu canal no youtube. Também é o autor do livro Topografia Cadastral e Georreferenciamento de Imóveis Rurais na Prática, que desde que foi lançado é o livro mais vendido do pais sobre o assunto.

121 Planilhas, templates, Lisps e Modelos de Peças Técnicas Que Todo Agrimensor Deveria Ter!

Baixe-os agora, Aumente Sua Produtividade e Melhores a Qualidade das Plantas Que Você Produz!