Fotogrametria: o que é e para que serve

Publicado por Adenilson Giovanini em

A fotogrametria se baseia na utilização do sensoriamento remoto para obtenção de imagens de uma região de interesse.

Posteriormente a análise estereoscópica possibilita a construção de modelos digitais do terreno e o mapeamento das feições de interesse.

Na realidade, inicialmente a fotogrametria era uma atividade desenvolvida por poucas empresas. Isso porque a mesma necessitava de aviões e equipamentos caros.

Porém, os drones surgiram, revolucionando a obtenção de dados. Isso porque os mesmos possibilitam o mapeamento de centenas de hectares em poucas horas e por um valor baixo.

Para entender melhor como estes aparelhinhos voadores estão revolucionando a obtenção de dados, precisaremos primeiramente entender melhor o que é fotogrametria e suas principais aplicações.

O que é a fotogrametria?

fotogrametria

A fotogrametria é uma ciência que possui como objetivo o mapeamento e a produção de mapas e cartas topográficas de áreas de interesse. A mesma obtém informações dos alvos através do registro, medição e interpretação de imagens.

A Fotogrametria teve sua origem na França, no ano de 1849. Isso porque nesta data notou-se a viabilidade do uso da fotografia para o mapeamento topográfico.

Provavelmente quando ouve a palavra fotogrametria você logo pensa em aviões e drones. Porém, inicialmente a mesma era feita de forma terrestre simples.

Desta maneira, ao propositalmente manter-se uma sobreposição no entorno de 60% entre uma foto e a seguinte, cria-se estereogramas através dos quais é possível visualizar-se a área mapeada em 3D através da utilização da estereoscopia.

O passo seguinte foi levar a fotogrametria para o céu, através da utilização de balões. E finalmente, no ano de 1913, com a invenção do avião, foram feitas as primeiras fotografias aéreas para o mapeamento.

Lembrando que nesta época as fotografias eram analíticas. Ou seja, utilizava-se rolos de filmes imensos. Veja na imagem abaixo um equipamento antigo de fotogrametria.

equipamento antigo de fotogrametria

Este é o sistema que ia dentro dos aviões antes da invenção dos equipamentos eletrônicos.

Ou seja, pode-se considerar que a fotogrametria passou por estas três fases:

  • Fotogrametria Analógica: período no qual as medições eram realizadas com uso de equipamentos mecânicos;
  • Analítica: utilizando equipamentos eletrônicos, para realizar as medida estereoscópicas nas imagens aéreas;
  • Digital: as imagens passaram a ser obtidas de forma digital, sendo que as orientações e medições começaram a ser feitas através de softwares ou estações fotogramétricas.

 

Aplicações da fotogrametria

aplicações da fotogrametria

A fotogrametria pode ser utilizada em diferentes aplicações. Como exemplos temos:

  • Projetos de estradas;
  • Arqueologia;
  • Automação de processos industriais;
  • Mapeamento;
  • Geração de Modelos Digitais de Terreno e Elevação;
  • Planejamento de superfícies;
  • Realidade aumentada;
  • Identificação de objetos presentes na superfície física;
  • Robótica.

 

Vantagens da fotogrametria

vantagens da fotogrametria

A principal vantagem da fotogrametria é que a mesma utiliza o sensoriamento remoto, de certa maneira que o objeto a ser medido não precisa ser tocado. Com isso, a obtenção de informações da área de interesse é feita de maneira rápida.

Uma segunda grande vantagem é a grande quantidade de informações obtidas. Isso porque enquanto que com a utilização da topografia clássica ou até mesmo moderna e do posicionamento pelo GNSS, costumasse obter-se apenas dezenas ou na melhor das hipóteses (e com muito trabalho) centenas de pontos de uma área de interesse.

Com o uso da fotogrametria é possível obter-se milhares de pontos. Isso sem falar que a fotogrametria possibilita o armazenamento de informações quantitativas, semânticas e geométricas e, a medição de movimentos e deformações.

A mesma também possibilita o aumento da precisão de acordo com as necessidades do projeto.

A revolução que os Drones estão causando na fotogrametria

fotogrametria com drone

A popularização dos drones está simplesmente revolucionando a fotogrametria. Isso porque a utilização de drones na fotogrametria possibilita a obtenção de dados de forma rápida, barata, simples e autônoma.

Isso sem falar que os drones são equipamentos modernos, possuem uma alta tecnologia, design prático e, principalmente, um custo acessível para as empresas.

Um drone é composto basicamente por câmeras e um receptor GPS que permite que o usuário guie o Drone através de um aparelho portátil, permitindo assim um bom e fácil manuseio do mesmo.

A Fotogrametria convencional devido a seu alto custo quando comparada a utilização de drones, está sendo a cada dia menos utilizada.

A mesma se reduziu ao imageamento de grandes áreas ou regiões nas quais existe restrição ao uso de drones como, por exemplo, em áreas próximas a aeroportos.

Cuidados que você deve ter ao utilizar drones

Naturalmente, nem tudo são flores. Quando se fala na utilização de drones, existem alguns serviços os quais, haja vista as especificidades dos drones e da fotogrametria, não é possível prestar-se.

Por exemplo, no georreferenciamento de imóveis rurais não é possível utilizar-se drones para a obtenção de dados de pontos do tipo M e em locais que possuam vegetação, de certa maneira que o solo não esteja visível.

 

Domine a Topografia Cadastral através de um livro formado por centenas de exemplos práticos

livro de topografia e georreferenciamento

Você quer dominar a Topografia Cadastral?

Então eu tenho uma ótima noticia para você. Me refiro ao livro Topografia Cadastral e Georreferenciamento de Imóveis Rurais na Prática.

O mesmo é dividido em 10 capítulos recheados com muitos estudos de caso e exemplos práticos. Para conhecer melhor a estrutura do mesmo, juntar-se a mais de 800 profissionais e adquirir sua cópia é só clicar no botão abaixo:

 

 

 

 

Categorias: Fotogrametria

Adenilson Giovanini

O Professor Adenilson Giovanini é especialista em Topografia Cadastral e Georreferenciamento de Imóveis Rurais. Possui mais de 830 artigos em seu blog e mais de 460 vídeos em seu canal no youtube. Também é o autor do livro Topografia Cadastral e Georreferenciamento de Imóveis Rurais na Prática, que desde que foi lançado é o livro mais vendido do pais sobre o assunto.

121 Planilhas, templates, Lisps e Modelos de Peças Técnicas Que Todo Agrimensor Deveria Ter!

Baixe-os agora, Aumente Sua Produtividade e Melhores a Qualidade das Plantas Que Você Produz!