Georreferenciamento INCRA: 2 dicas geniais

Publicado por Adenilson Giovanini em

Quando se fala em Georreferenciamento INCRA , uma das etapas que provoca grande perda de tempo é a produção das peças técnicas necessárias.

Normalmente isso é feito em softwares específicos, porém mesmo com o uso de softwares se faz necessário cadastrar todos os dados manualmente.

Na realidade, o uso de softwares no georreferenciamento incra é opcional. Isso porque caso deseje, o profissional pode produzir todas as peças técnicas necessárias no braço. Inclusive a planilha ods.

Confesso que eu mesmo fiz isso por muito tempo, que utilizava um software especifico somente para a produção da planilha ods.

Acontece que quando se fala em georreferenciamento rural, o grande problema enfrentado, pouco importa se você utilize um software especifico, ou se produza as peças técnicas no braço é quanto aos diferentes dados necessários.

É normal um processo ficar parado por meses por causa dos dados de um único confrontante.

 

Georreferenciamento INCRA – O grande problema enfrentado pelos escritórios da área

problema no georreferenciamento rural

Como é normal os processos de georreferenciamento INCRA ficarem parados por meses, normalmente acontece de um colaborador começar a produzir as peças técnicas necessárias para um processo de Georreferenciamento.

O mesmo percebe que falta os dados de um confrontante e, por causa disso, deixa o processo parado (modo Standby) até conseguir o dado faltante.

Até ai tudo tranquilo, o problema é que muitas vezes este colaborador que era estagiário termina o estágio. Outro caso comum é o colaborador simplesmente ir embora da empresa.

Como a correria no escritório é grande, passam-se meses até que outro colaborador seja designado a tarefa de organizar aqueles 45 processos de Georreferenciamento incra que estão parados.

O problema é que para isso, o mesmo terá que realizar a análise completa de cada processo. Ou seja, a maioria do tempo de trabalho do primeiro colaborador será jogado no lixo.

Com isso, existe uma enorme perda de tempo e de dinheiro devido a falta de comunicação e de procedimentos que evitem estes problemas.

 

Destruindo o mostro chamado “Processos que nunca são finalizados”

Organizando-se para o georreferenciamento incra

Diante da dança de colaboradores existente nos escritórios da área e da dificuldade de se conseguir alguns dados, é normal a existência de problemas, como a demora excessiva para a elaboração das peças técnicas necessárias.

Diante destes problemas, a pergunta que fica é:

como evitar este problema em processos de georreferenciamento rural com medidas simples e fáceis de serem implementadas!

Eu mesmo, no início de 2014, quando estava trabalhando em meus primeiros projetos de Georreferenciamento de Imóveis Rurais enfrentei as situações relatadas acima:

  • Perda de tempo na produção das peças técnicas;
  • A empresa tinha uma grande quantidade de projetos parados. Alguns a mais de 4 anos.

Ao longo deste tempo, vários colaboradores tinham trabalhado nestes projetos, sendo que cada um deles teve que analisar tudo o que o colaborador antigo fez tentando entender o que faltava ser feito.

O que acontecia é que normalmente o colaborador trabalhava várias horas somente para conseguir se contextualizar. Passado este tempo, o mesmo se deparava com os mesmos problemas que o colaborador antigo tinha enfrentado.

O mesmo tentava resolver os problemas, resolvia 1 ou 2 e o projeto era congelado novamente. Passavam-se mais alguns meses e outro colaborador repetia o que o colaborador antigo tinha feito.

 

Georreferenciamento INCRA – A solução definitiva para o problema

produtividade em processos de georreferenciamento incra

Vendo a existência destes problemas em processos de georreferenciamento rural, eu criei 2 soluções simples, porém que possibilitaram a obtenção de grande velocidade na produção das peças técnicas. Com isso, a maioria dos processos que estavam parados a anos finalmente foram finalizados.

 

Primeira solução criada

A primeira solução que eu criei foi um arquivo txt para cada projeto de georreferenciamento rural com os dados da propriedade, do proprietário, do conjugue e dos confrontantes o qual chamei de “Dados do projeto“.

A grande vantagem deste arquivo é que o mesmo possui um resumo dos diferentes dados necessários. Desta maneira, torna-se fácil a produção das diferentes peças técnicas necessárias. A outra grande vantagem deste arquivo é que o mesmo possibilita a existência de dados que faltam serem obtidos.

O procedimento padrão sempre que faltasse dados, era colocar no topo deste arquivo uma observação com os dados que faltavam.

Desta maneira, nós passamos a utilizar uma regra simples:

Não começar a produção das peças técnicas de um projeto enquanto todos os dados não fossem obtidos.

A grande vantagem disso é que quando um colaborador pegasse um projeto para trabalhar teria condições de finalizar o mesmo.

Para baixar um modelo de arquivo com os dados do projeto clique neste link.

Georreferenciamento INCRA – Segundo arquivo criado

O outro arquivo criado foi o “Status do projeto” que também é um arquivo formato txt.

Este arquivo deve ser criado em todo projeto de georreferenciamento rural que foi iniciado mas que teve que ser parado antes de seu término. O mesmo informa o status do projeto, resumindo o motivo que levou a não conclusão do mesmo.

Desta maneira, com uma simples observação como a abaixo, qualquer pessoa que abrisse o projeto conseguiria em menos de 2 minutos identificar a situação do mesmo…

“Todas as peças técnicas do projeto foram produzidas, porem o mesmo está parado, pois identificou-se que falta o CPF do confrontante Décio de Almeida, sendo que a declaração de reconhecimento de limites referente ao mesmo não pode ser finalizada.

Os demais documentos podem ser imprimidos, assinados e terem o reconhecimento de firma realizado pelos confrontantes.”

Perceba que a mesma é uma descrição curta, porem que possibilita uma rápida identificação do status do projeto.

 

Resumo

resumo sobre produtividade no georreferenciamento incra

Os escritórios da área podem obter uma grande velocidade de trabalho em processos de georreferenciamento se adotarem a utilização destes 2 arquivos.

  • Dados do projeto: arquivo no qual todos os dados do projeto devem serem anotados podendo serem facilmente copiados e colados nos locais de interesse durante a produção das peças técnicas.
  • Status do projeto: arquivo no qual o colaborador relata o status do projeto que está parado.

Ressalto que este artigo teve como intuito passar algumas dicas simples para os profissionais da área, possibilitando a realização de processos de Georreferenciamento de Imóveis Rurais com grande velocidade.

Perceba que embora sejam soluções super simples, que as mesmas são extremamente eficazes, evitando que você tenha que ter um software especifico somente para o gerenciamento dos projetos com os quais você ou sua equipe trabalham.

Agora eu gostaria de lhe indicar outros 2 artigos sobre georreferenciamento de imóveis Rurais. São eles:

> Georreferenciamento de imóveis rurais – 5 exemplos práticos do local correto para a implantação dos marcos geodésicos…

> Georreferenciamento incra: Qual a melhor técnica…

É isso por este artigo. Lembrando que eu possuo uma série de cursos e de livros práticos. Se você que MERGULHAR FUNDO e aprender com exemplos práticos, acesse este link e conheça os mesmos.

Gratidão por você ter lido o artigo. 🙏

 

 

Conheça o Curso de Georreferenciamento de Imóveis Rurais Mais Completo do Brasil

curso de georreferenciamento

O Método Georreferenciamento Sem Mistérios é:

  • Um curso SIMPLES, FÁCIL, PRÁTICO, EFICAZ e direto ao ponto!
  • Sem pré-requisitos e SEM ENROLAÇÃO!
  • Aprenda através de EXEMPLOS REAIS!
  • Linguagem FÁCIL e voltada para a PRÁTICA!
  • Evolua Do ZERO ao EXPERT DOMINANTE e vá diretamente para a prática, prestando serviços de altíssima qualidade e com segurança!

 

Mais de 207 profissionais já participaram do curso

alunos do curso de georreferenciamento de imoveis rurais

 

depoimento aluno do curso georreferenciamento

 

 

francisco

 

 

depoimento Leonato

 

depoimento do Eduardo Cabral

 

seta

 

georreferenciamento curso

 

seta

 

 

 

Bônus Que Você ganhará Juntamente Com o Curso

georreferenciamento incra - curso georreferenciamento

  • Curso Como Orçar Serviços Topográficos;
  • Curso de Topograph 98;
  • Curso de Cartografia e Transformação de Dados;
  • Curso de Confecção de Plantas Topográficas;
  • Curso de Operador de Receptores GNSS;
  • Curso de Legislação Cadastral e Produção de Peças Técnicas.

Com estes bônus você terá todos os conhecimentos necessários para ter um escritório de topografia de sucesso.

Você saberá:

  • Operar receptores GNSS;
  • Fazer o tratamento dos dados;
  • Produzir as diferentes plantas necessárias;
  • Produzir as diferentes peças técnicas necessárias e;
  • Como proceder na prestação dos diferentes serviços (levantamento de área, desmembramento, remembramento, retificação, levantamentos para usucapião, georreferenciamento, entre outros).

seta

 

curso de georreferenciamento rural

 

seta

 

georreferenciamento incra - curso georreferenciamento

 

seta

 

 

 

 

 


Adenilson Giovanini

O Professor Adenilson Giovanini é especialista em Topografia Cadastral e Georreferenciamento de Imóveis Rurais. Possui mais de 960 artigos em seu blog e mais de 520 vídeos em seu canal no youtube. Também é o autor do livro Topografia Cadastral e Georreferenciamento de Imóveis Rurais na Prática, que desde que foi lançado é o livro mais vendido do pais sobre o assunto.

121 Planilhas, templates, Lisps e Modelos de Peças Técnicas Que Todo Agrimensor Deveria Ter!

Baixe-os agora, Aumente Sua Produtividade e Melhores a Qualidade das Plantas Que Você Produz!